Você está aqui : Home > Viagens > Noroeste > Norte Argentino em 21 dias
NORTE ARGENTINO EM 21 DIAS
Visitando Atacama, Quebrada Humahuaca, a Puna até Salinas, Yungas, Vales e Iguaçú
 
21 dias - 20 noites
Alojamento Quartos Duplo / Café da manha
Transfer IN OUT APT/HTL/APT
Excursões regulares e privadas. Guia espanhola e inglesa
Coordenação Permanente
 
Tucumán
Recepção e traslado do Aeroporto Internacional de Ezeiza ao Aeroparque Doméstico Jorge Newbery (Buenos Aires). Recepção e traslado do Aeroporto de Tucumán ao Hotel.
Tucumán - City Tour
Café da manhã no Hotel. Viajaremos até a cidade de Tucumán. À tarde, visitaremos a parte histórica e arredores da cidade para conhecer três séculos de história. Iniciaremos o trajeto na Plaza Independência, onde poderemos observar a imponente Casa do Governo e o conjunto arquitetônico que a rodeia.

Conheceremos a Igreja Catedral, a Igreja e Convento de San Francisco, a Igreja de Nuestra Señora de la Merced, a Casa Histórica da Independência, o Museu Histórico Provincial Nicolás Avellaneda, a Casa Padilla e a Igreja e Convento de Santo Domingo.

Daí continuaremos até o Parque 9 de Julio, um dos mais belos, desenhado pelo paisagista francês Carlos Thays; também visitaremos o Museu da Indústria Açucareira "Casa del Obispo Colombres". O trajeto continuará pela área mais elegante da cidade, o centro é a Avenida Sarmiento; chegaremos à Plaza Urquiza, área característica da cidade pelo estilo francês da arquitetura; pode-se observar o edifício do Colégio Nacional, o Teatro San Martín, a Legislatura e o Cassino.

Uma das praças que melhor conserva seu traçado de ruas interiores e um importante monumento em seu centro é a Plaza Alberdi e, em frente ela, está a Estação Terminal da Ferrovia Gral. Mitre. Retornaremos ao centro da cidade.
Tucumán - Tafi del Valle - Ruínas de los Quilmes - Cafayate
Café da manhã no Hotel. Partiremos desde San Miguel de Tucumán. Visitaremos as Ruínas Jesuíticas de San José Lules, que, desde 1670, foi estabelecimento jesuítico até sua expulsão, em 1760. Passaremos por Famaillá e, em seguida, por Acheral e Santa Lucía, o caminho passa por cultivos de cana de açúcar e limão.

Ingressaremos em La Quebrada de Los Sosa, começando o caminho de cornija e a vegetação típica da selva tucumana. Podem-se observar locais de parada como El Indio, Fin del Mundo, La Heladera. À medida que subimos, a vegetação começa a mudar; desaparecem as grandes árvores e, com mais freqüência, se vêem amieiros, salgueiros e pinhos.

Observaremos El Mollar, o Dique La Angostura, Tafí del Valle onde visitaremos a Igreja Jesuítica de La Banda, continuando a viagem até o Abra del Infiernillo (3042 metros ao nível do mar), donde teremos uma vista espetacular do vale.

Começaremos a descida até o Valle Calchaquí, passando por Ampimpa, pitoresco conjunto de casas, em poucos quilômetros visitaremos a localidade de Amaicha del Valle. Depois de cruzar o Rio Yocavil (Santa María) chegaremos às Ruínas de los Quilmes, um dos assentamentos pré-hispânicos mais importantes de nosso país. Visitaremos o museu para logo recorrer a fortaleza construída pelos Índios. Finalmente partiremos para Cafayate, onde dormiremos.

Vales Calchaquíes - Por Cafayate
Café da manhã no Hotel. Viajando pelos Vales Calchaquíes, saindo de Cafayate. Terra do sol e do vinho que nos oferecerá seu artesanato, Museu Arqueológico, Catedral das 5 naves e as bodegas mais antigas e famosas que embriagarão a alma com perfume de carvalho e torrontés. Visitaremos bodegas e fábricas de queijo de cabra, em Cafayate. Depois empreenderemos nossa partida para a Cidade de Salta.

Recorreremos o fértil Valle de Lerma, hoje uma importante zona tabaqueira. Um caminho serpeante, passando por curiosas formas montanhosas, o conduzirá à Garganta del Diablo e o Anfiteatro onde se escuta o eco de qualquer som com acústica perfeita. Pouco a pouco a grandes extensões de vinhedos é substituída por aridez da paisagem , o que mostra que já estamos nos aproximando de Salta.

Salta - City Tour
City Tour por Salta com ascenso ao Cérro San Bernardo. Faremos um city tour visitando a Catedral, a Igreja de San Francisco, o Cabildo, o Museu Histórico do Norte, o Mercado Artesanal e o Cerro San Bernardo. A igreja de San Francisco é um magnífico templo da ordem franciscana que possui uma arquitetura particular e finos detalhes de ornamentação.

A edificação do Cabildo foi feita em diferentes etapas, oferecendo expressões do barroco. No Mercado Artesanal podem-se adquirir prataria ou tapeçarias. San Lorenzo é por excelência a vila para veraneio de Salta.
Vales Calchaquíes - Por Cachi
Café da manhã no Hotel. O segundo passeio aos Vales Calchaquíes, porém, desta vez, iremos na direção de Cachi. Atravessaremos cativantes paisagens, como a beleza agreste da Cuesta del Obispo e Quebrada de Escoipe.

Cruzaremos o Parque Nacional Los Cardones, para recorrermos entre plantações de pimenta colorida. Chegaremos à localidade de Cachi, marcada pelo imponente nevado de 6.384 m.s.n.m.

Este agradável povo conserva em suas ruas estreitas de pedra a antiga igreja de paredes de barro e telhado de corda, diversos locais pré-hispânicos e urnas mortuárias. Observar as plantações de alfafa, hortaliças e locais de secagem de pimenta é um espetáculo de cores que justificam nossa peregrinação de um lado a outro.
Salta - Dia livre
Café da manhã no Hotel. Dia livre para descansar ou para realizar alguma actividade opcional.

OPCIONAL - Cavalgada em San Lorenzo

Passaremos o dia na vila de San Lorenzo, com seus frondosos caminhos e sombras reparadoras. Esta linda vila de veraneio convida ao relaxamento, contemplando seu verde. Para descobrir o vale de Lerma e os arredores saltenhos, nada melhor que uma tranqüila cavalgada. As sestas de verão em Salta deixam a cidade imóvel, suspendida no calor.
Salta - São Pedro do Atacama
Café da manhã no Hotel. Iremos desde a cidade de Salta em direção a São Pedro do Atacama, no Chile, situado na região norte e em uma zona geográfica onde se encontram as maiores montanhas dos Andes, atravessando el Passo de Jama.
Salar de Atacama e Lagoas de Altiplanalto
Café da manhã no Hotel. Iremos ao Salar de Atacama, observaremos crostas de sal geradas pela evaporação de águas salinas subterrâneas. Visitaremos a Lagoa Chaxa (Reserva Nacional Los Flamencos), rodeada de flamingos e outras aves como o Caití e a Gaivota dos Andes. Conheceremos Toconao, um oásis de água doce e árvores frutíferas, famoso por sua torre com sinos de 1750.

Margeando o salar chegaremos até o povoado de Socaire, localizado a 3.250 metros e que foi criado com pedra vulcânica, para finalmente chegar às lagoas de altiplanalto de Miñiques e Miscanti, a 4.000 metros do nível do mar. Essas lagoas se formaram há 1 milhão de anos com a erupção do vulcão Miñiques. Almoçaremos no povoado de Socaire e depois regressaremos.
Geysers del Tatio e Povoados de Altiplanalto
Café da manhã no Hotel. Madrugaremos bem cedo para ir até nosso próximo encontro: os Geysers del Tatio que se encontram a 4.300 m. Serão geradas quedas d'água de quase 8 metros. Essas colunas de vapor dão ao cenário natural um encanto místico.

Faremos caminhadas pelos distintos geysers e nos banharemos na piscina de águas termais. Mais tarde, iniciaremos o caminho para descobrir os povoados do altiplanalto andino chileno e encontraremos com o antigo povoado de Caspana, o Pukará de Lasana, os petróglifos no vale do rio Loa, a Lagoa Inca Coya e a igreja e povoado de Chiu-Chiu
São Pedro do Atacama - Dia livre
Café da manhã no Hotel. Dia livre para descansar ou para realizar alguma actividade opcional.
Salta - São Pedro do Atacama
Café da manhã no Hotel. Regressaremos para Salta, Argentina.
Safári às Nuvens - Salinas Grandes - Purmamarca
Café da manhã no Hotel. Faremos o "Safári às Nuvens", unindo três trajetos fundamentais do Noroeste Argentino: na primeira parada, o "Caminho às Nuvens", seguindo o traçado das vias do conhecido Trem das Nuvens, por La Quebrada del Toro, até San Antonio de los Cobres.

O segundo caminho é o cruzamento da Puna pela Rodovia 40, chegando até as Salinas Grandes de Jujuy. E finalmente, a descida da Cuesta de Lipán, chegando ao pitoresco povoado de Purmamarca ao pé do Cerro de los Siete Colores. Dormiremos em Purmamarca.

Trem às Nuvens - OPCIONAL

Café da manha no Hotel. Viajaremos de Salta no Trem das Nuvens até o viaduto La Polvorilla subindo até 4.220 m sobre o nível do mar. Esta via férrea é uma magnífica obra de engenharia pela qual desde 1941 transitam pesados trens carregados de minerais. O seu percurso de mais de 220 km, atravessa vales, quebradas e puna. A variada vegetação da colorida Quebrada del Toro, o ziguezague na estação Alisal e o viaduto La Polvorilla, são os lugares imperdíveis da viagem.

Na estação Alisal, o trem faz uma manobra para ganhar altura, mudando-se a uma via paralela de maneira que a locomotiva fica por atrás, empurrando os vagões para dentro de um túnel onde, ao repetir a manobra, a mesma retoma a ponta. Nas distintas estações, os indígenas oferecem seus artesanatos regionais, sendo o poncho de vicunha a vestimenta mais apreciada da região.


Safari às Nuvens - O trem opera somente de abril a novembro. O resto do ano é possível fazer o mesmo caminho com o Safari às Nuvens em vehículos 4X4, percorrendo também as Salinas Grandes e Purmamarca.
Quebrada de Humahuaca
Café da manhã no Hotel. Conheceremos La Quebrada de Humahuaca. Iremos desde Purmamarca. Seguiremos para Maimará, onde deter-nos-emos para ver o cemitério de altura e o cerro Paleta do Pintor. Nosso viagem continuará até Tilcara, onde visitamos o museu arqueológico e o famoso "Pukara" (antiga fortaleza indígena localizada no quadro de cactos e montanhas policromáticas).

Continuaremos por Huacalera e Uquía (em Uquía visitaremos sua igreja e o Trópico de Capricornio) , chegando a Humahuaca, uma antiga cidade indígena. Em Humahuaca, visitaremos o monumento à Independência. Dormiremos em Humahuaca.
Iruya
Café da manhã no Hotel. Saindo de Humahuaca, vamos até Iruya (Salta). Passaremos por povos de Jujuy, como Iturbe, Chaupi Rodeo, Abra del Cóndor, a 4.000 metros de altura. Logo começaremos a descida até 1.200 metros de altura e nos deixaremos levar pelo contraste de cores das paisagens, desde o verde agreste até arroxeado ou violeta, até o amarelo do rio Colanzuli. Chegamos em Iruya, um bonito povo da montanha. À tarde voltamos para San Salvador de Jujuy.
Yungas Subtropicais - Parque Nacional Calilegua
Café da manhã no Hotel. Viajaremos até o sul da província de Jujuy. Passaremos pelos povos de Pálpala, San Pedro e Ledesma até chegar ao Parque Nacional. Com a ajuda de um guia, poderemos recorrer três trilhas dentro de Calilegua: La Mamota, La Herradura e La Lagunita, apreciando a fauna e flora originárias da região. À tarde voltamos para Salta.
Salta - Iguazu
Café da manha no Hotel. Traslado ao Aeroporto de Salta. Recepção e traslado do Aeroporto de Iguazu ao Hotel.
Cataratas do Iguaçú.- Argentina
Café da manha no Hotel. Excursao ás Cataratas Argentinas, visitando as passarelas inferiores e superiores e a impressionante Garganta do Diabo. Efetuaremos uma excursão pelo caminho de interpretação Yvyra Retá. Daqui parte o trem até as estações Cataratas e Garganta do Diabo.

Percorreremos o caminho de pedestres verde de aproximadamente 600 m que comunica a estação Cataratas com a área Cataratas, onde começam as passarelas. Pelas passarelas inferiores observaremos o Salto Alvar Núñez, o Mirante Principal, o Salto Bossetti, a Ilha de San Martín e o Salto Dos Hermanas.

Pelas passarelas superiores, observaremos os mirantes sobre o Salto Bossetti até o final da passarela.Realizaremos uma grande aventura aproximando-nos das cascatas, entrando no cânion da Garganta do Diabo, para desembarcar na ilha San Martín.

Opcional - Grande Aventura
Depois embarcaremos em botes semi-rígidos para navegar pelo rio Iguazú Inferior, com 2 quilômetros de corredeiras. Voltaremos por plena selva missioneira em veículos todo terreno pelo caminho Yacaratiá.
Ruinas do San Ignacio & Minas Wanda
Café da manha no Hotel. aremos o percurso das famosas ruínas jesuítas. Conheceremos as Ruinas do San Ignacio Miní, missão fundada em 1610 pelos jesuítas. São as mais bem conservadas e refletem a grandeza das missões guaranís. A vegetação selvática da Argentina, Brasil e Paraguai esconde restos dos 30 povoados que fundaram os jesuítas durante o século XVII nesta região.

Na cidade argentina Wanda, a grande atração são as minas de pedras preciosas: ágata, ametista, topázio, cristal de rocha, entre outros. Percorreremos as minas em túneis ou ao ar livre. A cidade tem várias lojas onde se vendem jóias. Alguns lugares controlam todo o processo, do corte da pedra à produção de objetos.
Cataratas do Iguaçú.- Brasil
Café da manha no Hotel. Excursão ás Cataratas Brasileiras, onde teremos uma vista vista panoramica única. Nos dirigiremos a Foz do Iguaçú para observar as cataratas do lado brasileiro e comprovar a frase que diz: "As cataratas são argentinas mas a vista é brasileira". Como bem diz esta frase a melhor imagem do postal está no Brasil, e por este motivo, vamos até nosso próximo destino.
Regresso a Buenos Aires
Café da manhã no Hotel. Traslado ao Aeroporto de Iguazu. Recepção e traslado do Aeroparque Doméstico Jorge Newbery (Buenos Aires) ao Aeroporto Internacional de Ezeiza.
 
Norte Argentino em 14 dias
Noroeste Argentino em 17 dias (incluído Atacama)
Salta Clássica
Semana Salta
Salta & Jujuy
Salta, Atacama & Uyuni
Turismo Aventura em Salta
TransPuna em 4X4